“Cada vez mais confirmaremos que, para entender o Brasil, é preciso conhecer e compreender a África.”

AUTORES DO SITE: Cristian Bianchi Lissi1, Julio Gonçalves Palharini2 , Patricia Flavia S. D. Moreira3

1 – Graduando em Ciências Biológicas – Universidade Federal de Uberlândia

2 – Graduando em Ciências Biológicas- Universidade Federal de Uberlândia

3 – Profª. Drª. adjunta do Instituto de Química da UFRN –  http://lattes.cnpq.br/9109298434418130

MATERIAL PARA PESQUISA 

DATA DO EVENTO: 22 a 27 de novembro de 2011.

LOCAL: Museu da Biodiversidade do Cerrado – Parque Victório Siquierolli.

PÚBLICO ALVO: Alunos do 3º ano do Ensino Médio de escolas públicas e particulares e, no final de semana dos dias 26 e 27, será aberto a visitação para o público.

JUSTIFICATIVA: Em comemoração a Semana da consciência negra e ao ano internacional da Química, programamos está atividade não-formal.

PROPOSTA DE ATIVIDADE: O museu receberá as escolas em um turno distinto (manhã/tarde) e apresentará 5 temáticas interativas durante a atividade. Serão elas:

1 – Cafeína: Amostras de noz-de-cola e explicação dos monitores da sua participação na cultura afro-brasileira e africana seu significado e utilização; amostras dos produtos do dia a dia que contém cafeína. Disponibilizar um computador para interação dos alunos na montagem da molécula no software Chemyscketch ACD/Freeware.

2 – Culinária Afro-brasileira: Contextualizar alguns pratos típicos com influência africana e que fazem parte do nosso dia a dia; Informações sobre rotulagem nutricional e contagem de calorias por grupo nutricional – proteínas, carboidratos, lipídeos. Amostras com alguns alimentos e calculadoras para ensinar a contagem de calorias. Elaboração e Aplicação do jogo “Passa ou Repassa” em grupo com essa temática.

3 – Cabelos: Explicar as diferenças estruturais nos cabelos das diversas etnias, as cores diferenciadas pelos tipos de melanina e as ligações de ponte dissulfeto nos processos de alisamento. Amostras de cabelos diversos: loiros, ruivos, orientais, crespos,etc. Disponibilizaremos um microscópio com o fio de cabelo; fotografias, painéis com as ligações químicas. Estamos planejando uma atividade com uma cabeleireira (não confirmado ainda).

4 – Pele e proteção Solar: Amostras de protetores com FPS diversos. Sensibilizaremos os jovens da importância da proteção ao invés do bronzeamento e apresentaremos alguns dados estatísticos sobre a incidência do câncer de pele em jovens. Explicaremos o porquê dos fatores serem diversos de acordo com as cores e características de pele variando nas etnias. Simulação da ação do filtro solar em grande escala.

5 – Anemia Falciforme: Como esta temática será informativa com o objetivo de desconstruir a idéia de uma doença racial será aplicado um jogo de tabuleiro com varias cartas com o objetivo de instruir corretamente sobre a doença e o panorama brasileiro. Disponibilizaremos um microscópio com lâminas da hemácia normal e da hemácia falciforme para observação dos alunos.

Colaboradores/Patrocinadores:

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.